sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Juventude: Igreja disponível para ouvir e confiar nas novas gerações

Juventude católica de Portugal se reúne para traçar novos objetivos.


A Igreja Católica em Portugal deve estar pronta para acreditar no potencial das novas gerações, mesmo que estejam noutro “horizonte” de estilos e de práticas de fé.



“A Igreja tem de confiar nos jovens, porque neles está verdadeiramente o futuro da Igreja em Portugal”, referiu à ECCLESIA D. Ilídio Leandro, vogal da Comissão Episcopal do Laicado e Família que acompanha mais de perto o setor juvenil.

No rescaldo do 9º Festival Nacional Jovem da Canção Mensagem, uma iniciativa promovida e organizada pelo Departamento Nacional da Pastoral Juvenil (DNPJ) em Fátima, no sábado, o bispo de Viseu observou que “é preciso dar um protagonismo maior” e “confiar mais nos animadores dos jovens”.

A iniciativa reuniu 13 dioceses portuguesas que se apresentam com um videoclip e com uma música original: Viseu, Algarve, Leiria-Fátima, Funchal, Lamego, Coimbra, Lisboa, Viana do Castelo, Setúbal, Bragança-Miranda, Vila Real, Porto e Aveiro.

“A juventude é capaz de viver e cantar a fé, transmiti a mesma fé”, frisou D. Ilídio Leandro,  para quem “estes jovens manifestam na alegria, na criatividade, na música, na arte que lhes sai natural, e dão-nos a certeza de que é preciso apostar nos jovens”.

“O grande desafio dos tempos de hoje é como transmitir a fé”, concluiu.

Para o diretor do DNPJ, padre Eduardo Novo, este festival foi um “lindo mosaico de evangelização”.

“Para além de todo o trabalho que a Igreja desenvolve, esta é uma forma de os jovens se manifestarem na sua criatividade”, acrescentou.

O sacerdote observa que no Ano da Fé (outubro de 2012-novembro 2013), convocado por Bento XVI, é importante recordar que “cada um faz caminho, mas sobretudo este caminho que é feito na capacidade de encontro com Cristo”.

“O dom da nossa fé é já uma resposta ao convite de Deus a acreditar, convite dito, vivido em cada dia no compromisso que cada um assume na sua vida, na sua construção - na escola, em casa, no trabalho – porque somos mais, temos a coragem de ir mais longe”, prosseguiu.

A Pastoral Juvenil, sustentou o padre Eduardo Novo, quer “dar uma voz aos jovens, ser com eles” e não apenas falar para os mesmos.

O festival teve como vencedora a música "Semente de Amor", da Diocese do Algarve.

O grupo recebeu como prémio um “spa espiritual”, ou seja, a possibilidade de passar “um fim de semana numa casa de retiros, para que possam refletir, conhecer-se mais e conhecer Deus”, explica o diretor do DNPJ.

Fonte: http://www.agencia.ecclesia.pt/cgi-bin/noticia.pl?&id=93580

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...