terça-feira, 6 de novembro de 2012

Por causa da religião, alunos sabatistas ficam confinados seis horas antes de fazer o Enem

Alunos de escola adventista também se prepararam para o ENEM.

Mais de 85 mil estudantes inscritos no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) devem ficar confinados nos locais de prova durante seis horas antes de começar a fazer a prova. Isso porque esses candidatos guardam os sábados e, por motivos religiosos, somente podem realizar alguma atividade depois do por do sol.

Como forma de respeito à fé dos alunos, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), órgão responsável pela aplicação do Enem, permite que eles comecem a realizar as provas às 19h. No entanto, para não terem privilégio sobre os outros candidatos, eles devem chegar aos locais de prova no mesmo horário que todo mundo, até 13h, quando os portões serão fechados.

Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, o Brasil é um País laico, que respeita as religiões, mas as regras são as mesmas para todo mundo. "A regra é republicana. Só fará prova quem estiver na sala de aula às 13h. Alguns alunos, por motivo de fé, vão fazer depois, no horário que a religião permite."

Além dos alunos sabatistas, 28 mil inscritos solicitaram atendimento especial. São pessoas com autismo, cegueira, deficiência metal, surdez e dislexia. Além disso, 70 mil candidatos precisaram de atendimento específico, como as grávidas, mães que estão amamentado ou estudantes internados em hospitais.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...