quinta-feira, 15 de novembro de 2012

CNBB critica debate sobre frase em notas

Frase começou a ser impressa nas notas brasileiras na década de 1980.

O secretário-geral da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), dom Leonardo Ulrich Steiner, afirmou ontem que há “coisas muito mais essenciais” para se preocupar do que a retirada da expressão “Deus seja louvado” das notas de real, pedida em uma ação protocolada ontem pelo Ministério Público Federal.

Para ele, a existência da expressão nas frases “poderia lembrar que o próprio dinheiro deve estar a serviço das pessoas, especialmente dos pobres, na partilha e na solidariedade”.

O pedido de retirada da frase, feito pela Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão em São Paulo à Justiça Federal, diz que a expressão nas notas fere os princípios de laicidade do Estado e de liberdade religiosa.

Fonte: http://gazetaweb.globo.com/gazetadealagoas/noticia.php?c=212612

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...