quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Papa aceita demissão de bispo chileno suspeito de pedofilia


Até a última semana o paradeiro do bispo era desconhecido. 

O Papa Bento XVI aceitou nesta terça-feira a demissão do bispo de Iquique (norte do Chile), Marco Antonio Órdenes Fernández, de 47 anos, suspeito de cometer abusos sexuais contra adolescentes, segundo a agência de notícia do Vaticano.

De acordo com um breve comunicado da Santa Sé, o prelado apresentou sua demissão "em virtude do artigo 401-2 do Código de Direito Canônico". Este artigo se refere a uma demissão "por razão de saúde ou por outra causa grave".

Em abril deste ano, a Igreja Católica iniciou uma investigação sobre as acusações de pedofilia contra Órdenes Fernández, o mais jovem dos bispos da Conferência Episcopal chilena.

Dois dias antes do anúncio oficial de sua demissão, o prelado admitiu em uma entrevista à imprensa chilena ter tido uma "atitude imprudente" com a pessoa que o acusa, mas negou que a vítima fosse menor na ocasião dos fatos, que remontam à época em que era reitor do Santuário de Nossa Senhora de Cármen de Tirana, norte do Chile, entre 1997 e 2002.

A Igreja não entregou antecedentes sobre as supostas vítimas.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...