quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Igreja Perseguida – Relatório afirma aumento de perseguição aos cristãos no mundo

A AIS é uma entidade de direito pontifício internacional da Igreja Católica.

Em relatório divulgado esta semana pela Fundação Internacional “Ajuda a Igreja que Sofre” diz que a perseguição da igreja em pelo menos 196 países, chega a triste marca de um aumento de mais de 300% afetando pelo menos 350 milhões de cristãos pelo mundo.

Minorias religiosas continuam sendo perseguidas em todo o mundo. Em alguns países, confessar a fé cristã pode resultar em prisão,exílio, na morte, extrema. E esta perseguição se dá de varias maneiras como a prática de incendiar igrejas, intimidação violenta, mortes e muitas outras.

A fundação internacional “Ajuda à Igreja que Sofre” foi apresentado nesta semana o relatório sobre a liberdade religiosa no mundo de 2012, segundo a qual tanto o direito fundamental de livre escolha da religião como manifestação pública da fé permanecem globalmente ameaçadas .

Este é o caso da Arábia Saudita, ou em estados onde legalmente expulsos pessoas de diferentes credos, como no Tadjiquistão. Contra isso, no ILR é enfatizado que em alguns países há uma crescente conscientização sobre a importância da liberdade religiosa.

Isso é demonstrado pela intervenção vigorosa dos governos e parlamentos dos vários Estados europeus e as resoluções do Parlamento Europeu sobre a liberdade religiosa. O Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo examina a extensão da liberdade religiosa em 196 países. A análise refere-se ao status de todas as comunidades religiosas presentes em cada um desses países.

Entre os grupos religiosos desfavorecidos em razão de sua fé, os cristãos são, em todo o mundo, que sofrem mais discriminação e perseguição com atentados violentos chegando a ser ceifada muitas vidas crentes no Senhor.

O relatório pode ser analisa, tanto no que diz respeito ao direito fundamental de livre escolha da religião como a demonstração pública de fé, nos dois casos demonstrados vem aumentando as ameaçadas em todo o mundo pela escolha ou confissão de fé.

Alguns exemplos do aumento da perseguição é a pressão publica sobre os muçulmanos que que no Paquistão impõem a lei anti-blasfêmia, e isso acarreta uma crescente pressão dos extremistas sobre os cristãos em geral em países africanos como Quênia, Mali, Nigéria e Chade, e ali tentam impor a força seus ideais religiosos extremistas como também em alguns países europeus onde grupos laicistas tentam colocar suas idéias de secularização e o mesmo acontece em vários estados da Índia onde criam leis que impedem o intercambio religioso.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...