terça-feira, 4 de setembro de 2012

Bomba explode em subúrbio cristão e druso em Damasco

Insurgentes negaram autoria dos últimos atentados.

A explosão de um carro-bomba em um subúrbio de Damasco nesta segunda-feira deixou um número de vítimas ainda não determinado, mas que segundo uma entidade de oposição, os Comitês de Coordenação Local (CCL) foi de quatro mortos, entre eles uma mulher e uma criança.

Este foi o segundo atentado do tipo em uma semana na capital, cuja população é majoritariamente drusa e cristã.

A explosão de hoje, ocorrida em Al Wahda, causou grandes danos materiais neste bairro, que se manteve leal ao presidente sírio, Bashar al Assad, desde o início da rebelião popular, em março de 2011.

Já o bairro de Yarmana, no sudeste da capital síria, foi alvo na terça-feira passada de outra explosão de um carro-bomba, durante um funeral. O atentado provocou a morte de 12 pessoas e deixou outras 48 feridas, e segundo a rede de televisão estatal síria, foi obra de "terroristas".

Os insurgentes, por sua vez, negaram a autoria deste crime e disseram que as forças do governo estavam por trás do mesmo e querem responsabilizá-los para conseguir o apoio de minorias.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...