segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Justiça da Noruega condena a 21 anos de prisão homem que matou 77 pessoas

Ultradireitista alegou não ter problemas psiquiátricos.

A Justiça da Noruega condenou hoje (24) Anders Behrning Breivik, de 33 anos, a 21 anos de prisão, que é a pena máxima na legislação do país. Breivik é o autor de dois ataques que mataram 77 pessoas em julho do ano passado. A maioria das vítimas era de jovens. Ele é considerado um extremista de direita.

Breivik foi considerado capaz de responder pelas próprias ações, ou seja, sem problemas psiquiátricos, como, inicialmente, foi sugerido. Pelas leis norueguesas, a pena pode ser ampliada de forma indefinida, quando a pessoa que está presa é considerada de alta periculosidade.

Durante o julgamento, Breivik negou os argumentos apresentados pela promotoria de que ele era insano e que deveria estar sujeito a cuidados psiquiátricos por um prazo indefinido. Segundo ele, suas ações foram uma reação de manifestação política.

No ano passado, Breivik admitiu ser o autor do atentado à bomba contra a sede do governo norueguês e de um tiroteio na Ilha de Utoya, perto de Oslo, em 22 de julho de 2012. Os dois ataques deixaram 77 mortos. Na ocasião, foi apontado como simpatizante de grupos de extrema direita e disse ser contrário ao islamismo e ao multiculturalismo na Noruega.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...