segunda-feira, 16 de julho de 2012

“Eu quero Uma Igreja”- Grupo de Cristãos brasileiros propõe uma “Nova Reforma Protestante”

Nova Reforma e união dos evangélicos é a proposta do grupo.

Um grupo denominados “os cristocêntricos” estão convidando todos os segmentos religiosos a participarem de debates pelo YouTube, Google Hangout, Google mais, TV Eu quero uma igreja, Skype afim de levar os religiosos de todos os segmentos a entenderem que “só o Evangelho de Cristo salva”- Confira e comente…

Projeto “Eu Quero Uma Igreja” propõe a união de cristãos em nome de Cristo para a criação de uma igreja verdadeira, ou uma “Nova Reforma Protestante”. O grupo de cristãos brasileiros identificados como “os cristocêntricos” propõe a união de cristãos em nome de Cristo para a criação de uma igrejaverdadeira, ou uma “Nova Reforma Protestante”.

Tomando como base Romanos 14 e 1° Coríntios 13, o grupo conclama a “uma antiga, nova e verdadeira forma de ser igreja”. “Após ver tanta sujeira, levantamos uma bandeira, um clamor, uma súplica, como Jesus em João 17 rogando ao Pai. Na função de sabão dos lavandeiros e fogo dos ourives que purifica a prata e o outro (Mal.3)”, diz o projeto.

Segundo site do “Eu quero uma igreja”, o objetivo do movimento é apresentar debates e cultuar ao vivo com pessoas de todas as partes do mundo e denominações, para unirem em Cristo “na verdadeira unidade com um só pensamento”. Um programa de perguntas e respostas é oferecido, bem como entrevistas, testemunhos e a exposição de pensamentos sobre a doutrina, dogmas, costumes e liturgias.

O projeto visa oferecer também ajuda àqueles que estão “escandalizados” com a igreja a continuerem louvando a Deus, mesmo que virtualmente. Com o intuito de combater os erros eclesiásticos ele propõe também a ação de uma “Corregedoria Eclesiástica”. “Ovacionar sim, elogiar sim, os acertos dos líderes e igrejas; mas, combater categoricamente os erros e a podridão do sistema religioso, nem que nos custe a vida terrena”, diz o projeto no site.

O grupo não se preocupa com o preço a pagar para que as mensagens pregadas não sejam “massagens” que massageiem o ego das pessoas. “Que nos corte a cabeça em bandejas, mas que façamos a vontade de Deus sempre!” afirma o projeto. Os pontos de pregação a serem enfatizados são: a limpeza dos corações; o combate à “sujeira do sistema religioso” e a condução de pessoas a olharem a somente um único Salvador.

O grupo convida católicos, evangélicos, carismáticos, padres, monges, pastores, ateus, judeus, muçulmanos, agnósticos, protestantes, pentecostais, tradicionais, neopentecostais, espíritas, maçons, rosacruses, unicistas, ‘igrejados’, ‘desigrejados’, entre outros, para participarem dos debates a fim de constatar que “só o Evangelho de Cristo salva”.

Os debates são promovidos todos os dias às 21 horas ao vivo, pelo YouTube, Google Hangout, Google mais, TV Eu quero uma igreja, Skype.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...